Como Funciona uma transportadora?


Podemos chamar de transporte ou o ato de transportar, o movimento de cargas ou pessoas, que podem ser realizados em infraestruturas de características diversas como:


  • Dutoviária,

  • Rodoviária,

  • Aeroviária,

  • Ferroviária,

  • Entre outras.


Ao focarmos no transporte rodoviário de cargas, podemos afirmar que a palavra transporte é muito genérica para descrever toda atividade de uma transportadora, pois o funcionamento de uma empresa de transporte rodoviário de cargas possui muitos detalhes para cumprir com sua atividade principal, que é levar mercadorias de um ponto A (origem) para um ponto B (destino).


Além disto, seus processos são influenciados por vários aspectos como:


  • Diferentes perfis de carga,

  • Volumetria,

  • Peso,

  • Valor de mercadoria,

  • E até mesmo necessidades específicas de um determinado remetente.


Podemos dizer que uma transportadora funciona baseado em 3 etapas básicas, que são desdobradas em níveis mais detalhadas para melhor organização da atividade. São elas:


  • Etapa 1: Coleta / Recebimento

  • Etapa 2: Transferência entre unidades

  • Etapa 3: Entrega – Last-mille (operação de última milha)


A somatória de várias atividades indiretas ao ato de transportar, influenciam na qualidade da prestação do serviço, todas elas têm compromisso direto na garantia da satisfação do cliente.


NEGOCIAÇÃO COMERCIAL


Podemos entender que esta atividade é o início do processo de transporte, onde alinhamos todas as informações conforme o entendimento da necessidade do cliente, como:

Recursos necessários, especificidades das cargas, destino demandados, custos envolvidos, entre outros. Que irão fundamentar a precificação da prestação de serviço.


CONSOLIDAÇÃO DAS CARGAS


O objetivo de consolidar carga é promover o melhor aproveitamento no carregamento dos veículos, reunindo a maior quantidade de mercadorias de diferentes clientes, aproveitando o espaço disponível em cada veículo e reduzindo o espaço ocioso, adequando a lógica do carregamento ao planejamento de rotas.


PLANEJAMENTO DE ROTAS


Planejar é o ponto fundamental para uma gestão eficiente de recursos e custos, ele colabora diretamente para prestação de serviço eficaz, tanto em preço quanto em atendimento.


Na questão das rotas definidas para o atendimento de operações de transporte, tanto de coletas, transferências entre unidades ou operação de last-mille, vários fatores devem ser levado em consideração, como:

A quantidade de paradas necessárias na rota, a distância percorrida, gasto com combustível, restrições no trânsito, restrições dos clientes, entre outros aspectos.


MONITORAMENTO DAS ENTREGAS


Durante o trajeto dos veículos nas rotas operacionais estamos sujeitos a diversas situações que podem gerar ocorrências que impactam no bom andamento da viagem.


Por este motivo, monitorar é importante não só no caso de necessidade de ação corretiva, como para informar o cliente sobre o andamento da entrega. Neste caso, a tecnologia colabora muito para o processo, atuando com sistemas de telemetria, rastreamento via satélite, inclusive nas conexões on-line com sistemas de comunicação como e-mail.


GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE FROTA


Utilizando as melhores práticas do mercado, realizamos manutenções corretivas, preventivas e preditivas.


Tudo para garantir o bom estado dos veículos, o que colabora para evitar riscos de acidentes, na assertividade nas entregas e na previsibilidade dos custos operacionais.


GERENCIAMENTO DE RISCOS


Atualmente o gerenciamento de riscos é um dos processos mais importantes de uma transportadora, pois ao ser responsável pelo patrimônio de terceiros durante a operação de transporte, necessita garantir a integridade das mercadorias e a efetivação da entrega.


Deste modo adotamos práticas que minimizam a possibilidade de ocorrer extravios, perdas e roubos. Além da adoção de estratégias para evitar sinistros de transporte como, acidentes, tombamentos e quebras de veículos, atuando de forma a manter seguros, a carga, o motorista e o veículo.


TREINAMENTOS


Para que todas as atividades de transporte sejam realizados de maneira eficaz e eficiente, buscando a todo momento a garantia da qualidade nos serviços prestados, uma empresa deve criar padrões de trabalho, registrando-os de maneira que possam ser multiplicados e reciclados sempre que necessário.


Assim programas de treinamentos contribuem para que as atividades sejam realizadas de forma prevista e padronizada, com possibilidades de controles e ações corretivas.


COBRANÇA DE FRETE


Para finalizar, após a efetivação da entrega da mercadoria, temos o processo de cobrança do frete, que é relativo à remuneração do serviço prestado definido baseado na negociação feita no início da contratação do serviço.


Esta atividade é muito importante pois corrobora para que o ciclo operacional da transportadora se mantenha funcionando, com todas as partes mantendo a saúde financeira gerando sustentabilidade e perpetuação dos negócios.

14 visualizações

© 2020 por ST Solução Transportes e Logística

sac@solucaotransportes.com.br - (66) 3531-1399 | (66) 3531-9450

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca Ícone Instagram